Notícias
MEMÓRIAS DO JUDICIÁRIO: MUSEU DA JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO EXIBE ACERVO PRECIOSO SOBRE A HISTÓRIA DO JUDICIÁRIO BRASILEIRO

Rio – Quem visita o Centro do Rio de Janeiro tem mais uma opção cultural. O Museu da Justiça, inaugurado em 23 de agosto de 1988, passou por processos de restauração e, desde novembro 2010, expõe seu acervo ao público interessado.

A coleção é composta por livros, fotos e outros documentos que relembram acontecimentos de grande repercussão no Poder Judiciário, incluindo 170 arquivos audiovisuais e 24 mil processos sobre diversos temas. O prédio ficou conhecido por abrigar julgamentos famosos, com os dos envolvidos no caso Tim Lopes, morto em 2002, e de Paula Thomaz, no caso Daniella Perez, assassinada em 1992.

Carlos Jorge Fernandes, Diretor da instituição, fala sobre as ações desenvolvidas pelo Museu: “Temos uma parceria com o Centro Cultural do Palácio da Justiça e realizamos visitas guiadas com turmas de escolas e universidades. Outra atividade em andamento é a digitalização de documentos raros, alguns destes expostos aos visitantes”. O cuidado com a preservação do mobiliário também faz parte dos planos. “Estamos com o projeto de recuperação de peças antigas”, afirma Carlos.

Acervo textual

Formado basicamente por processos judiciais datados do séc. XIX, o acervo textual é considerado um dos mais importantes do Brasil. Gilmar de Almeida, historiador do Museu, descreve a coleção: “Temos livros de registros de compra e venda de escravos, patentes, atas e documentos pessoais de magistrados como Bezerra Câmara e Aguiar Dias. Nosso processo mais antigo é de 1723”.

Audiovisual

Com 15 anos de existência, o programa História Oral narra, através de entrevistas, a vida de desembargadores, juízes, advogados e políticos com trajetórias ligadas à administração da Justiça, destaca Gilmar de Almeida. “São 160 entrevistas em nosso banco de dados”, complementa o historiador.

As visitas acontecem de segunda a sexta-feira, das 11 às 17h.

Endereço: Rua Dom Manuel, 29, Centro – RJ.

Tel.: 3133-3532/3133-3497

E-mail: seexp@tjrj.jus.br

Veja também

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

quatro × 4 =